Blefaroplastia – o que é?

Cuidados com a pele e o cabelo no verão
5 de março de 2018
08/03 – Dia Internacional das Mulheres
8 de março de 2018

Blefaroplastia é a cirurgia plástica que melhora o aspecto das pálpebras superiores e inferiores, eliminando bolsas de gordura, rugas, flacidez e com isso rejuvenescendo a região em torno dos olhos.

Como é feita a blefaroplastia
É realizada anestesia local com sedação (mais comum) ou anestesia geral. A cirurgia dura por volta de 40 minutos a uma hora e meia.
O cirurgião marca o excesso de pele e corta com o bisturi, em seguida cauteriza com bisturi elétrico e dá pontos da região exterior das pálpebras. Os pontos podem ser absorvíveis (que caem sozinhos) ou removíveis. Alguns cirurgiões usam adesivos cirúrgicos de pele ao invés de pontos.
É possível associar outros procedimentos, como rinoplastia (correção do nariz) ou lifting facial na mesma cirurgia
É necessária internação de 6 a 8 horas, caso sejam associadas outras cirurgias, como as citadas acima, o tempo de internação pode se estender a um período de 12 à 24 horas.

Quais são os seus benefícios e para quem a cirurgia é indicada?
A cirurgia é indicada para pessoas com grande quantidade e flacidez de pele nas pálpebras, e o seu principal benefício é a melhora na aparência e o rejuvenescimento da pele na área dos olhos.

Na pálpebra superior, a cirurgia remove o depósito elevado de gordura que aparenta inchaço, e na pálpebra inferior retira o excesso de pele e rugas finas. Remove também a sobra de pele que resulta em dobras ou atrapalha o contorno natural da pálpebra superior — às vezes, prejudicando a visão.

Bolsas sob os olhos também podem ser corrigidas, assim como a queda das pálpebras inferiores. Além disso, a cirurgia também é recomendada para a remoção de xantelasmas, que são pequenas bolinhas de colesterol que se formam nessa região.

Pós-operatório
No pós-operatório, devem ser seguidas todas as recomendações do médico responsável, como evitar cigarro, a ingestão de antibiótico e analgésicos, o uso correto de colírios, a higienização e o repouso. É importante que, durante o período de cicatrização, o local da cirurgia não sofra esforço excessivo, escoriação ou movimento.

Entre outros cuidados após o procedimento, deve-se usar uma pomada lubrificante e fazer compressas frias no local, e o uso de óculos escuros deve ser feito por cerca de 30 dias até que a cicatrização esteja completa.

 

A Dra. Ana Lúcia Lemos realiza cirurgias plásticas como prótese de mama, rinoplastia, abdominoplastia, ginecomastia, lipoaspiração, pós bariátrica entre outros processos cirúrgicos.
Atendemos ao público da baixada santista nas cidades de Santos, São Vicente, Praia Grande, Guarujá e outras cidades do litoral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *